Blog
02. jul de 2018
Histórias Help

Jornalista e escritora, Ivonita conta com a teleorientação da Help

Cantar, escrever e trabalhar como jornalista são as atividades que preenchem os dias de Ivonita Di Concilio. Aos 79 anos, a conveniada Help mantém uma rotina que exige fôlego e energia. Apesar de desfrutar de saúde plena, ela decidiu fazer um plano da Help para usar a teleorientação e atendimento em casos de emergência.

E foi por telefone que Ivonita pediu auxílio à equipe Help. Muito atarefada com um show musical que estava produzindo, ela começou a sentir sintomas como taquicardia e pressão no peito. “Eu achei que ia infartar mas liguei, falei com o médico, expliquei o que sentia e ele me orientou”, recorda. Para alívio de Ivonita e sua família, os sintomas eram de uma crise de ansiedade devido ao ritmo forte do trabalho.

Semanas depois, a jornalista voltou a utilizar a teleorientação. Após uma queda na escada de um restaurante, ela sentiu dores na região torácica e precisou de auxílio. “Na hora não senti muita coisa e deixei passar, mas dias depois o frio chegou e a dor apareceu. Liguei novamente para a Help, conversei com o médico e enviaram para minha casa uma requisição para exame de raio-x e receita de medicamento para aliviar a dor”, relata.

Passados os sustos, Ivonita agora volta a se dedicar a seus múltiplos afazeres, como escrever coluna para um jornal de São José, escrever uma nova biografia, cantar em shows beneficentes e divulgar o Plenitude Outonal, seu livro de crônicas.

“Eu me sinto muito segura com a Help. Eu sei que se eu estiver em uma emergência, alguém vai me ajudar. Tem a teleorientação e se precisar a equipe vem até minha casa”, finaliza Ivonita.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.