Blog
20. jul de 2018
DICAS HELP,Saúde

Da infância à terceira idade, conheça os benefícios da amizade

Neste ano o Dia do Amigo caiu justamente em uma sexta-feira, data típica para uma reunião festiva com os mais chegados. No entanto, a amizade vai além da diversão e laços afetivos fortes podem ajudar na saúde das pessoas. Segundo estudiosos, a sociabilidade do ser humano começa a ser desenvolvida muito cedo, entre os três e os seis anos de idade, quando os pequenos passam a buscar a companhia de outras crianças. “Neste período, recomenda-se que os pais não façam comparações entre irmãos ou outras crianças, pois isto provoca sentimentos como ciúmes e pode gerar brigas”, orienta a psicóloga Magali Amat Castro Aguiar.

Ainda segundo a profissional, é possível afirmar que, até os 72 meses, a criança deve ser compreendida e respeitada integralmente no seu desenvolvimento para que, na vida adulta, consiga estabelecer laços de amizade significativos.

Psicóloga Magali Amat Castro Aguiar
Psicóloga Magali Amat Castro Aguiar

Um aspecto que não pode ser ignorado é o fato de vivermos em tempos em que as mídias sociais e interações digitais muitas vezes substituem o contato presencial entre amigos. Para a psicóloga, a situação requer cuidado. “Os contatos virtuais entre as pessoas possibilitam uma comunicação imediata, entre o estímulo e a resposta, desencadeando, na maioria das vezes, ansiedade tanto na pessoa que enviou como no receptor”, explica Magali. Para ela, as mídias sociais podem de fato aproximar pessoas, mas é importante evitar a dependência desses recursos para que o contato humano não se torne automatizado e superficial.

Para indivíduos da melhor idade, laços de amizade também são importantes para manter o equilíbrio entre a saúde do corpo e da mente. “Entrar na terceira idade significa atentar para as limitações e declínio de algumas funções físicas, mentais e emocionais, por isso, a manutenção e criação de novos vínculos de amizade, resulta em bem estar e qualidade nas atividades diárias”, finaliza a psicóloga.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.